BELA PROVA NO REI E RAINHA DO MAR

Poliana e Allan do Carmo ficam com a prata em Copacabana

BELA PROVA NO REI E RAINHA DO MAR

Poliana Okimoto e Allan do Carmo fizeram uma bela exibição na prova da Elite no Desafio Rei e Rainha do Mar, no último domingo (11), nas águas de Copacabana. A dupla cruzou a linha de chegada na segunda posição após uma prova emocionante, com revezamento nas primeiras posições até os últimos metros.

“Foi surpresa o resultado, me senti bem, principalmente na última volta. Acho que o que decidiu não foi natação nem corrida, e surf! Foi quem pegou melhor as ondas (risos). Fiquei feliz por não estar na melhor forma, mas mesmo assim consegui nadar em alto nível. Na segunda volta tomei um caixote e acabei perdendo posições. É sempre ótimo voltar, principalmente depois de um ano maravilhoso, com medalha olímpica, um ano em que realizei o maior sonho da minha vida. Acho que essa prova foi uma grande comemoração para meu 2016”, disse Poliana.

O percurso é formado por 6 voltas de 500 metros (450m na água e 50m na areia), divididas em três voltas para cada nadador. Diferente do que Poliana está acostumada, que são as provas de 10km apenas na água, sem a parte da corrida na areia.

A vitória ficou com a dupla italiana formada por  Dario Verani e Rachele Bruni. O bronze foi para Chip Peterson e Haley Adley, dos Estados Unidos.

Poliana já conquistou o Rei e Rainha do Mar em 2013, quando nadou ao lado de Samuel de Bona.

Mais informações em www.reierainhadomar.com.br

BELA PROVA NO REI E RAINHA DO MAR

Poliana Okimoto e Allan do Carmo ficam com a segunda posição em Copacabana

BELA PROVA NO REI E RAINHA DO MAR

Poliana Okimoto fechou um ano histórico na sua carreira com um resultado importante. A maratonista aquática nadou o Rei e Rainha do Mar ao lado de Allan do Carmo e conquistou a segunda posição nas águas de Copacabana, no Rio de Janeiro.

A prova foi um pouco diferente do que ambos estão acostumados. Em vez de apenas natação, a prova teve um percurso formado por 6 voltas de 500 metros (450m na água e 50m na areia), divididas em três voltas para cada nadador.

Voltando de férias, Poliana destacou o bom ritmo que conseguiu apresentar ao lado de Allan. “Foi surpresa o resultado, me senti bem, principalmente na última volta. Acho que o que decidiu não foi natação nem corrida, e surf! Foi quem pegou melhor as ondas (risos). Fiquei feliz por não estar na melhor forma, mas mesmo assim consegui nadar em alto nível. Na segunda volta tomei um caixote e acabei perdendo posições. É sempre ótimo voltar, principalmente depois de um ano maravilhoso, com medalha olímpica, um ano em que realizei o maior sonho da minha vida. Acho que essa prova foi uma grande comemoração para meu 2016”, disse, em entrevista ao Rei e Rainha do Mar.

O título de 2016 ficou com os italianos Dario Verani e Rachele Bruni. A equipe dos Estados Unidos formada por Chip Peterson e Haley Anderson completou o pódio.

Poliana já conquistou o Rei e Rainha do Mar em 2013, quando nadou ao lado de Samuel de Bona.

Start typing and press Enter to search